Micros precisam se apoiar em um sistema confiável de gestão

Cliente: 
Postado em 10/04/2012

Atualmente, as MPEs (micro e pequenas empresas) representam 99% dos empreendimentos do Brasil, segundo dados do Sebrae. Porém, pesquisa realizada recentemente pela Fecomércio mostra que 75% dessas empresas não sobrevivem antes de completar cinco anos de atividade. Esse cenário revela que as MPEs precisam estar atentas não só às inovações do mercado, mas também em como está o gerenciamento da empresa.

A alta taxa de mortalidade das empresas de pequeno porte tem sido alvo de estudos no mundo inteiro. Afinal, esse segmento empresarial é cada vez mais responsável pelas riquezas e empregos gerados pela economia do país. A falta de avaliação das necessidades para alcançar as metas, a falta de acompanhamento de resultados obtidos e a falta de capacidade para gerenciar as diversas áreas da empresa são algumas das principais causas que levam as MPEs a fecharem as portas, segundo estas pesquisas.

Pesquisa do Sebrae indicou que os principais fatores que auxiliam as MPEs a serem bem sucedidas são: que os gestores tenham bom conhecimento do mercado, estudem sempre, façam planejamento prévio, sigam boas práticas de gestão empresarial, tenham criatividade, dedicação em tempo integral, persistência e tenham capital próprio.

Para resolver o problema de gestão das MPEs, uma boa opção é a implementação da ISO 9001. Essa norma permite às organizações verificar a consistência de seus processos, medir e monitorá-los, com o objetivo de aumentar a competitividade e assegurar a satisfação de seus clientes. “Uma empresa que trabalha segundo os parâmetros da ISO 9001 amplia suas vantagens competitivas frente aos seus concorrentes”, declara Igor Furniel, diretor-executivo da ISO Online (www.isoonline.com.br), consultoria virtual para implementação de sistemas de gestão, entre eles a ISO 9001 e ISO 14001.

Entre os benefícios da ISO 9001 estão a redução de falhas e desperdícios, o controle total dos processos (o que gera eficiência e aumenta a produtividade) e a geração de indicadores e evidências, que permite saber  o nível de satisfação dos clientes e formular estratégias, aponta Furniel. O executivo acrescenta que a empresa que possui a ISO 9001 passa a ideia de confiança e de capacidade de atender aos desejos dos clientes.

Além disso, a empresa alcança um alto nível de qualidade em seus produtos e serviços. “Conquistar a certificação representa um atestado de reconhecimento nacional e internacional à qualidade do trabalho, pois a ISO 9001 assegura boas práticas de gestão e relacionamento entre clientes e fornecedores”, completa Furniel.

Hoje, as micro e pequenas têm condições de implementar e conquistar a certificação da norma ISSO 9001 via internet, através de consultorias como a ISO Online.

 

A ISO Online

A plataforma ISO Online simplifica o processo de implementação ISO 9001, cuja implementação tradicional é feita por consultores in loco nas empresas. Com ela, a consultoria é feita 100% através do site, que tem todo o material necessário para o empresário realizar a implementação e, depois, a certificação. “A implementação de um sistema de gestão da qualidade custa caro e não é toda empresa que tem esse dinheiro em caixa disponível”, aponta Igor Furniel, diretor-executivo da empresa.

A ISO Online foi lançada em fevereiro de 2010 e implementa, atualmente, a ISO 9001 em mais de 300 empresas.  Um dos maiores diferenciais do sistema é o valor cobrado, bastante reduzido se comparado às consultorias tradicionais. Desta forma, micro e pequenas empresas passaram a buscar a certificação para conseguir uma melhor posição no mercado e buscar soluções na gestão, principalmente a de qualidade.

“Nosso primeiro desafio foi oferecer um serviço com custo reduzido, porém mantendo a mesma qualidade e procedimentos do processo tradicional. O segundo ponto era que, para isso acontecer, teríamos que transferir ao cliente o know-how, pois é ele quem vai administrar o andamento do processo. E transmitir o conhecimento sem medo, sem restrição nenhuma”, lembra Furniel.