A Copa das PPPs

Com a confirmação das 12 cidades que receberão jogos na Copa do Mundo de 2014, uma corrida contra o tempo foi iniciada. Muito terá que ser feito (e refeito) no Brasil para a adequação exigida pela Fifa. Estádios modernos, estradas novas, renovação da frota de ônibus, aumento da capacidade hoteleira, enfim, são muitas as necessidades.

E um dos caminhos para que as cidades consigam cumprir com todo o cronograma são as PPPs. As Parcerias Público-Privadas são uma ótima ferramenta para conquistar investimentos do setor privado, já que somente os investimentos públicos não serão suficientes. Um dos clientes da Happy Hour trabalha especificamente com PPPs. Trata-se da Actuale, empresa com sede em Campinas.

Neste release, o diretor-executivo da empresa Igor Furniel explica melhor a situação. “Além de viabilizar a construção dos estádios, outro ponto importante será fazer com que estes empreendimentos não dependam apenas da receita de jogos de futebol, mas sim de outras fontes de renda como concertos musicais e outros eventos”, afirma. A oportunidade de novos investimentos e parcerias está aí. As cartas estão na mesa.

Comentários

Comentar

O conteúdo deste campo é privado não será exibido ao público.
CAPTCHA
Por favor responda esta pergunta, como prevenção anti-spam.
Image CAPTCHA
Digite os caracteres exibidos na imagem.